Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Oscar Isaac

Oscar Isaac

Nomes Alternativos: Óscar Isaac Hernández Estrada

1028Número de Fãs

Nascimento: 9 de Março de 1979 (38 years)

- Guatemala

Oscar nasceu na Guatemala, mas a sua família mudou-se para Baltimore, nos Estados Unidos logo após o seu nascimento devido a um terramoto que assolou a zona onde viviam. A família ainda viveu em Nova Orleães antes de se fixar em Miami, no estado da Flórida, onde Oscar passou grande parte da infância. O seu pai, Óscar Gonzalo Hernández-Cano, é um pneumologista cubano e a sua mãe, Maria Eugenia Estrada Nicolle, é guatemalteca. Óscar tem uma irmã mais velha, Nicole Hernández Hammer que trabalha como especialista em aquecimento global.

Apesar de descrever a sua educação evangelista como "bastante religiosa", Oscar diz que era um arruaceiro. Aos 12 anos foi expulso de uma escola privada depois de vários incidentes que envolveram "acariciar animais exóticos, acionar um alarme de incêndio no ginásio e destruir um mural".Depois da expulsão, os seus pais tinham-no inscrito noutra escola privada, porém um furacão destruiu toda a zona onde vivia, incluindo a escola para onde ia, e a família acabou por se mudar para Palm Beach. Aí, Oscar frequentou uma escola pública onde começou a aprender a tocar instrumentos e se juntou a uma banda de ska (os Blinking Underdogs) como guitarrista. Na mesma altura começou a participar em peças de teatro.

Quando terminou o liceu, Oscar entrou na Miami-Dade, uma universidade comunitária onde completou um curso de Arte.[4] Oscar conciliou os estudos com os Blinking Underdogs, que foram tocando cada vez menos, e com o teatro regional.[3] Depois de terminar a universidade, decidiu candidatar-se por impulso à Juilliard, a prestigiada escola de artes em Nova Iorque, quando se encontrava na cidade a trabalhar numa peça. Foi aceite no programa de representação e terminou os seus estudos em 2005.

O primeiro trabalho de destaque de Oscar surgiu em 2006 quando interpretou o papel de José no filme The Nativity Story. O filme foca-se na história da viagem de José e Maria para Belém antes do nascimento de Jesus. Keisha Castle-Hughes interpreta o papel de Maria. Ainda nesse ano foi um dos protagonistas de The Half Life of Timofey Berezin, um filme britânico que teve estreia no Festival Internacional de Cinema de Toronto.

Nos anos seguintes participou em vários filmes de destaque em papéis secundários. Os filmes incluem The Life Before Her Eyes (2007), Che: Part One (2008), Body of Lies (2008) e Ágora (2009).

Em 2010 interpretou o papel de Príncipe João, mais tarde coroado rei João de Inglaterra no filme Robin Hood, a readaptação ao cinema de Ridley Scott da conhecida história de Robin dos Bosques. O filme é protagonizado por Russel Crowe e Cate Blanchett. No ano seguinte interpretou o papel do vilão Blue Jones em Sucker Punch, um filme de fantasia que segue a história de uma jovem internada num asilo pelo padrasto que se refugia numa realidade alternativa para lidar com o trauma. Ainda em 2011, teve papéis secundários nos filmes Drive um thriller do realizador Nicolas Winding Refn e protagonizado por Ryan Gosling; W.E. um drama romântico realizado por Madonna que retrata o romance entre o rei Eduardo VIII do Reino Unido com a divorciada americana Wallis Simpson; e 10 Years, uma comédia romântica sobre a reunião de um grupo de amigos 10 anos após o fim do liceu. Em 2012 participou no filme Won't Back Down no papel de um professor de música.

Em 2013 protagonizou o filme Inside Llewyn Davis, escrito e realizado pelos Irmãos Coen. Oscar interpreta o papel de um cantor de música folk talentoso, mas sem sucesso. A acção do filme decorre maioritariamente no bairro de Greenwich Village em Nova Iorque em 1961. O filme venceu o Grand Prix do Festival de Cinema de Cannes em 2013 e Oscar foi nomeado para um Globo de Ouro na categoria de Melhor Ator num Filme Musical ou de Comédia. Ainda nesse ano, Oscar protagonizou, com Elizabeth Olsen, Jessica Lange e Tom Felton, o filme In Secret, uma adaptação ao cinema da peça Thérèse Raquin de Émile Zola.

Em 2014 foi um dos protagonistas de The Two Faces of January, um thriller que segue a fuga de um casal e de um estranho de Atenas quando um deles é implicado num homicídio. O filme conta ainda com Viggo Mortensen e Kirsten Dunst no elenco. Ainda nesse ano protagonizou A Most Violent Year, um filme de ação e crime onde interpreta o papel de Abel Morales, um empresário que tenta tirar vantagem da onda de violência que assolou a cidade de Nova Iorque em 1981. Jessica Chastain, que Oscar conheceu quando os dois estudavam em Juilliard e é uma das suas amigas mais próximas, também é protagonista.

Em 2015 protagonizou o filme de ficção científica britânico, Ex Machina com Alicia Vikander e Domhall Gleeson. O filme segue a história de um programador que recebe um convite do seu patrão para conduzir o Teste de Turing a um andróide com inteligência artificial. Ainda este ano participa no muito aguardado Star Wars: The Force Awakens, com estreia marcada para dezembro de 2015. O primeiro trailer do filme, lançado em 28 de novembro de 2014, revelou que a sua personagem é um piloto de X-wing. O nome da personagem, Poe Dameron, foi revelado duas semanas mais tarde.

Ainda em 2015, protagonizou a mini-série Show Me a Hero no canal HBO. A série é baseada em factos reais e Oscar interpreta o papel de Nick Wasicsko, um político de Nova Iorque que lutou contra a desagregação dos bairros sociais.

Em 14 de novembro de 2014, a 20th Century Fox anunciou que Oscar iria interpretar o papel do vilão En Sabah Nur / Apocalypse no terceiro filme do reboot de X-Men, X-Men: Apocalipse. O filme tem data de estreia marcada para 2016. Nesse ano será ainda protagonista de The Promise, com Christian Bale, um drama sobre o Genocídio Arménio. Em março de 2015, Oscar anunciou que iria retomar o papel de Poe Dameron no VIII episódio da saga Star Wars.