Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Tom Berenger

Tom Berenger

Nomes Alternativos: Thomas Michael Moore

90Número de Fãs

Nascimento: 31 de Maio de 1949 (69 years)

Chicago, Illinois - Estados Unidos da América

Berenger cursou jornalismo na Universidade de Missouri, porém, após sua graduação, decidiu seguir carreira artística.

Início de Carreira

Morando em Nova Iorque, Berenger conseguiu seu primeiro trabalho, como ator, em uma novela chamada One Life to Live.

Em 1976, fez sua estreia no cinema, estrelando a comédia Amor Sobre Rodas, porém, nos que se seguiram, teve muito poucas oportunidades.

Anos de Estrelato

Vivendo uma fase apertada, no final dos anos 70, Berenger somente começou a ver as coisas melhorarem, na virada da década.

Primeiro, em 1980, co estrelou, junto com Christopher Walken, o filme Cães de Guerra, baseado na obra de Frederick Forsyth. Em seguida, teve atuação destacada no filme O Reencontro, do diretor Lawrence Kasdan, lançado em 1983.

Contudo, foi em 1987, ao atuar em Platoon, filme de Oliver Stone, que Berenger atingiu o auge sua carreira. Por sua interpretação do psicótico Sgto. Bob Barnes, Berenger ganhou um Globo de Ouro e recebeu uma indicação ao Oscar.
Em alta, continuou sendo bastante requisitado pelos diretores, chegando ao ponto de ter estrelado três papéis pricipais, em apenas um ano. Mas devido ao fracasso relativo, de algum desses mesmos filmes, seus dias de protagonistas já pareciam estar com os dias contados.

No entanto, em 1989, ao lado de Charlie Sheen, Rene Russo e Wesley Snipes, Berenger emplacou um grande sucesso, na despretensiosa comédia Garra de Campeões.

Alguma Sobrevida

O inesperado sucesso de Garra de Campeões, deu novo fôlego à carreira de Berenger, no início dos anos 90, mantendo-o em evidência, por mais algum tempo.

Por volta dessa época, atuou em diversos filmes, dentre os quais merecem ser citados Busca Mortal, Invasão de Privacidade, Um Time em Apuros (continuação de Garra de Campeões) e Uma Loira em Apuros.

Contudo, sem dúvida alguma, o filme que marcaria sua carreira, durante toda essa década, acabaria sendo O Atirador, de 1993.

Decadência

Já na metade final dos anos 90, Berenger passou a ver-se relegado a filmes baratos de televisão, ou a papéis secundários, em filmes maiores.

Em 2002 e, posteriormente, em 2004, recorreu a duas continuações de O Atirador, sem sucesso algum.

Em 2006, apareceu em um episódio de Nightmares and Dreamscapes: From the Stories of Stephen King, mini-série de televisão, exibida pelo Warner Channel, no Brasil. Em 1988 Berenger atuou no filme Atraiçoados ao lado de Debra Winger dirigido por Costa Gavras. Hoje pode-se considerar este filme um clássico.

Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.