Este site usa cookies para oferecer a melhor experiência possível. Ao navegar em nosso site, você concorda com o uso de cookies.

Se você precisar de mais informações e / ou não quiser que os cookies sejam colocados ao usar o site, visite a página da Política de Privacidade.

    Você está em
  1. > Home
  2. > Artistas
  3. > Taís Araújo

Taís Araújo

Nomes Alternativos: Taís Bianca Gama de Araújo Ramos

284Número de Fãs

Nascimento: 25 de Novembro de 1978 (39 years)

Rio de Janeiro - Brasil

Taís é uma atriz, modelo e apresentadora brasileira de cinema e televisão.
Seu primeiro papel de destaque na televisão foi como a protagonista da novela Xica da Silva, de Walcyr Carrasco, na Rede Manchete.[1] Sete anos depois, protagonizou outra novela interpretando a personagem Preta, na telenovela Da Cor do Pecado, da (Rede Globo, escrita por João Emanuel Carneiro. Posteriormente, interpretou sua primeira protagonista em horário nobre da Globo, a Helena, da novela Viver a Vida, de Manoel Carlos. Vive Maria da Penha, a quarta protagonista de sua carreira, na atual novela das sete, Cheias de Charme, da Rede Globo. Taís Araújo nasceu na cidade do Rio Janeiro, capital do estado homônimo, em 25 de novembro de 1978. Nasceu de parto prematuro, aos sete meses de gestação.
Filha de Ademir de Araújo, economista, e Mercedes de Araújo, pedagoga, Taís Araújo é a segunda filha do casal, tendo como irmã Cláudia Araújo, formada em medicina e sete anos mais velha que Taís.
Durante sua infância, viveu com a família no bairro carioca do Méier, até seus oito anos de idade, estudou em escolas privadas. Em grande parte de sua adolescência e juventude, Taís Araújo viveu na Barra da Tijuca. Formou-se em jornalismo pela Universidade Estácio de Sá.
No dia 18 de Junho de 2011 deu a luz ao seu primeiro filho João Vicente de Araújo Ramos fruto do seu casamento com o ator Lázaro Ramos. Taís Araújo iniciou suas atividades profissionais no teatro aos onze anos de idade, começando no teatro amador juntamente com amigos do condomínio onde residia na época. Durante sua adolescência, participou ativamente de duas companhias teatrais, sendo a primeira o "Grupo Procênio" e a segunda companhia teatral o grupo "Os Bananas". Sua primeira personagem em telenovelas foi na trama Tocaia Grande. Taís Araújo tomou conhecimento, através de Kátia D'Ângelo, que a Rede Manchete (já extinta) estava formando o elenco da novela "Tocaia Grande". Ela foi uma das atrizes iniciantes que participou da seleção de atores para a telenovela, realizando um teste de dramaturgia. A atuação de Taís Araújo perante o teste foi elogiada por Rosamaria Murtinho, também atriz, e a notícia de sua aprovação foi dada por Régis Cardoso, diretor da telenovela. Alguns dias após sua aprovação, Walter Avancini substituiu Régis Cardoso na direção de Tocaia Grande. Alguns meses depois, Walter Avancini tornou-se responsável por dirigir a telenovela Xica da Silva, que até então permanecia sem uma atriz para atuar como protagonista. Taís Araújo foi escolhida por Walter Avancini para interpretar a protagonista da telenovela, tendo recebido o convite através de um telefonema do próprio diretor. Conta com cerca de onze telenovelas, oito filmes, uma minissérie e pelo menos cinco peças de teatro em seu currículo, além de atuações em séries e programas televisivos.
Foi a primeira atriz negra a ser protagonista de uma telenovela brasileira, com Xica da Silva, na extinta Rede Manchete. Por esse trabalho, realizado quando tinha apenas dezessete anos, tornou-se conhecida internacionalmente e foi eleita um dos 50 rostos mais lindos do mundo pela revista People em espanhol. Em 2004, no papel de Preta, foi também a primeira protagonista negra de uma telenovela da Rede Globo em Da Cor do Pecado, de João Emanuel Carneiro. Em 2006 se destacou como Ellen em Cobras e Lagartos, da mesma emissora e autor, compondo o sexteto principal da trama, e atuando com seu então namorado Lázaro Ramos. No cinema interpretou Elza Soares no filme Garrincha, Estrela Solitária.
Em 2004, recebeu o Kikito de melhor atriz coadjuvante no Festival de Gramado por seu trabalho em As Filhas do Vento.
Desde 2006, é apresentadora do programa Superbonita do canal GNT e tem atuado também no teatro.
Em 2008, voltou a trabalhar com João Emanuel Carneiro. Em A Favorita, viveu Alícia, filha de um deputado corrupto interpretado por Milton Gonçalves, que pela segunda vez consecutiva foi seu pai numa novela, sendo a primeira vez em Cobras & lagartos.
Após o final das gravações de A Favorita, em janeiro de 2009, mudou-se para Paris, onde pretendia passar uma temporada de três meses de estudos, mas a escalação para viver Helena em Viver a Vida mudou seus planos e antecipou a volta da atriz, fazendo a atriz a primeira artista negra da historia da televisão brasileira a ser protagonista de uma novela do horário nobre.
Em 2012, Araújo viverá a empregada que virará cantora, Maria da Penha, a quarta protagonista de sua carreira, na próxima novela das sete, Cheias de Charme, da Rede Globo.